Captador de Recursos, Captação de Recursos, Ações Sociais, Marketing Social
`
Pesquisar
Siga-nos      
Home
CURSOS
Captação de Recursos
Responsabilidade Social Corporativa
Leis de Incentivo
Elaboração de Projetos
O Que Fazemos
QUEM SOMOS
Fernanda Dearo
Clientes
Artigos
Contato

O CAPTADOR DE RECURSOS

Leia aqui sobre a remuneração de um captador de recursos >>

Será que conseguir dinheiro é a única
função de um captador de recursos?

Certamente que não.

Imagine um corpo humano.

O cérebro é a parte que pensa a instituição, a causa, as ações sociais propriamente ditas, o porquê de sua existência.

Agora imagine o coração, bombeando sangue para todos os órgãos.

É assim que funciona a captação de recursos, um coração que alimenta todas as áreas de uma instituição, sendo responsável também pelo cumprimento da sua missão social.

Sem recursos, NADA funciona.

E existem muitas, eu diria, quase 80% das instituições do Terceiro Setor brasileiro, sem a área de captação de recursos, sem um coração.

O captador de recursos é co-responsável pelo cumprimento da missão social da instituição.

E para isso deve:

- Conhecer profundamente a instituição que trabalha.
- Conhecer profundamente a causa defendida.
- Conhecer o mercado em que atua e que pretende-se atuar.
- Entender de administração e fazer uma avaliação junto ao administrador da instituição sobre o aproveitamento dos recursos atuais e as previsões de recursos futuros.
- Desenvolver um planejamento de captação de recursos para a instituição (manutenção operacional e projetos extras), baseado em estudo de mercado, estudo da instituição e principalmente nas previsões estabelecidas no planejamento estratégico da instituição.
- Nunca desvirtuar a missão social da instituição por causa de recursos.
(serei mais explícita aqui - num ato de desespero por falta de recursos, aceitar a gestão de projetos que fogem ao ideal da ONG).
- Contribuir na elaboração de projetos sociais para a instituição, tornando-os atraentes em termos de marketing e visibilidade.
- Captar recursos para esses projetos.
- Planejar ações de marketing direto e social para a manutenção operacional da instituição - despesas operacionais como aluguel da sede, folha de pagamento, água, liz, material de escritório.
- Fazer interface com a área de assessoria de imprensa da instituição, buscando a melhor maneira de divulgar institucionalmente e promocionalmente a ONG.
- Captar uma agência de propaganda e publicidade para auxiliar em criação de peças e campanhas.
- Agregar valor à imagem da instituição, através de parcerias estratégicas.
- Prezar pela imagem e ética da instituição no mercado externo, como sendo seu representante.
- Representar a instituição em eventos, congressos e reuniões sociais, fortalecendo vínculos e abrindo novas parcerias para a continuidade e manutenção do trabalho da instituição.
- Criar novas maneiras de interesse do mercado pela instituição.
- Administrar os recursos captados até sua prestação de contas, passando pelo acompanhamento do investimento e monitoramento das ações anteriormente propostas.
- Manter-se informado sobre o mercado, economia e ações sociais., identificando oportunidades e ameaças às atividades da ONG.
- Pensar grande e começar pequeno. Planejar. Traçar metas e suas estratégias.
- Ser parceiro da diretoria da ONG.

Captar recursos é como construir uma casa. Se o alicerce é fraco, não passa do primeiro andar, isso quando não desmorona...

E o Captador, mesmo sob pressão, deve manter a calma e trabalhar com planejamento.

Perfil ideal de um Captador de Recursos
- Formação em administração de empresas, relações públicas ou marketing. (isso é apenas uma sugestão)
- Otimista.
- Comunicativo.
- Ter facilidade em comunicar-se pessoalmente, ao telefone e no papel através de uma boa escrita.
- Estar ciente da responsabilidade em administrar recursos do OUTRO.
- Ter disponibilidade em ter uma vida social mais ativa.
- Ser flexível com bom senso, sem deixar objetivos de lado.
- Possuir habilidade em vendas e negociações.
- Ser apaixonado pelo o que faz e apaixonar-se pela causa que será beneficiada com seu trabalho.
- Ser um eterno interessado em informações do mercado.
- Ser organizado e fazer cumprir datas e prazos.
- Interessante possuir conhecimentos em inglês.
- Fundamental conhecimento em informática em Windows e Pacote Office.
- Reciclar conhecimentos pelo menos 2 vezes ao ano.
- Filiar-se à outras ONGs para acompanhar a evolução do mercado.
- Habilidade em elaborar projetos.


De qualquer maneira, captar recursos é uma arte.
As tintas estão disponíveis no mercado, de todas as cores e texturas.
Pegue seu pincel e escreva sua história!
Boa sorte!


Fernanda Dearo




| Captação de Recursos |  Leis de Incentivo |  Elaboração de Projetos |  Responsabilidade Social | 




DEARO Alianças Estratégicas
Av. Paulista, 1.159 Cj 1518 - Bela Vista – São Paulo – SP Brasil CEP 01311-200 Telefone: (11) 2305-3633 ou (11) 4777-0260
Website desenvolvido com tecnologia Super Modular